• Instagram ícone social

Instagram | @meupontodepartida

Autora | Corinne Sciortino

Formada em Direito e com vocação para viajar pelo mundo ! Minha obsessão é provar as mais diversas gastronomias, me perder pelos destinos e sempre sonhar com as próximas viagens.

Meu Ponto de Partida Blog Roteiros e Dicas de Viagem

Meu Ponto de Partida Blog Roteiros de Viagem
  • Instagram - Grey Circle
  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Pinterest - Grey Circle

Nova York: Mansfield Hotel e Midtown

21.06.2013

Viajamos em

ABRIL de 2012

 

Essa foi a segunda viagem que fiz para Nova York.

Primeiro, fui em 2009 com a escola participar da NHSMUN (National High School Model United Nations - uma simulação das Nações Unidas com vários estudantes do Ensino Médio do mundo). 

 

Foi muito legal, mas como estava a "trabalho", acabou que não consegui conhecer a cidade como queria. 

 

Por isso, essa viagem agora para Nova York era quase uma missão, queria conhecer o máximo possível, entender a cultura da cidade e os hábitos dos nova-iorquinos.

Times Square

 

Pesquisei tudo que pude na internet sobre restaurantes, hotéis, pontos turísticos e escrevia tudo no meu caderninho. Levei um caderninho comigo na viagem e lá estavam os endereços dos lugares que queria visitar, telefones importantes e qualquer outro detalhe relevante. O caderninho é muito legal, mas ultimamente tenho achado o iPhone mais prático hehe

 

Nós fomos de Delta e voltamos de American Airlines. Pousamos no JFK e pegamos um táxi de lá para o hotel.

 

 No taxi: TV, Mapinha e Maquininhas de Cartão

 

 

Nosso Hotel: The Mansfield

Ficamos em Midtown no The Mansfield (44th Street, entre a 5th Avenue e a 6th Avenue). 

 

 

Inicialmente, tínhamos combinado de ficar em um apartamento alugado através do AirBnB

Principalmente porque os hotéis estavam caríssimos e queríamos ter a experiência de ficar num local mais residencial - o que eu acho muito interessante.

Faltando uma semana para embarcarmos a moradora do apartamento nos mandou uma mensagem dizendo que tinha sido expulsa do apartamento e cancelou nossa estadia por lá. Além do pânico por faltarem apenas 7 dias para viajarmos, também sentimos muita raiva e decepção. Fomos reeembolsados pelo site, mas agora estamos na dúvida se numa próxima viagem vale a pena arriscar ou não. Pagamos mais caro que o previsto, mas conseguimos reservar um quarto no The Manfield de última hora.

 

 

Já tínhamos visto esse hotel pelo Booking (para mim o melhor site para reservar hotéis) e tínhamos gostado dele. Pela localização e atributos, ele é bastante acessível comparado com outros hotéis ali perto - ainda assim, eu acho muito caro. Não tinha cara de decadente, como a maioria dos hotéis que vimos, e a localização é muito prática. Está a passos da Times Square, Rockefeller Center, Grand Central e Public Library. O atendimento era eficiente, mas não muito simpático (como a maioria dos serviços em NYC). Tivemos um problema com a internet, mas a culpa não foi do hotel - parece que a rua em que estávamos teve o cabo da internet rompido e ficamos sem wi-fi por quase toda nossa estadia. Os quartos eram ótimos e a recepção servia café e chá à vontade, mas o café da manhã não estava incluso. O restaurante do hotel é badalado e parecia legal (e caro!), mas não fomos.

 

 

Peguei essa foto da internet, mas nosso quarto era exatamente assim:

 

Talvez pela grosseria dos atendentes da região e a quantidade infinita de turistas, achei Midtown muito impessoal e não ficaria lá de novo. Na minha opinião, deve ser mais interessante ficar em Soho ou nas Villages em um local mais barato e residencial. A única coisa importante é estar perto de uma estação de metrô. ;)
 

 

Midtown é a região central de Manhattan e contém a maior parte dos tradicionais pontos turísticos da cidade. Passeamos bastante por essa área.

É praticamente um formigueiro de turistas, principalmente próximo a Times Square. Achei os atendentes dos serviços de forma geral muito arrogantes e grosseiros - deve ser pela quantidade incessável de turistas.

 

Logo na primeira noite fomos ao Empire State Building. Adorei a ideia de ir à noite..a vista é linda e não tem filas ;)

 

 

Também fomos ao Rockefeller Center, só que de dia dessa vez. É ótimo, além do elevador que sobe muito rápido e tem um vídeo legal no teto, a vista é maravilhosa - você consegue ver o Central Park e o Empire State. Embaixo do prédio é muito bonito também - estava todo enfeitado para a páscoa - além da pista de patinação no gelo (funcionando ainda em Abril) e várias lojas.

 

Depois, andamos pela 5th Avenue, passando pela Saint Patrick's Church, Apple Store, FAO Shwart'z - até o Central Park. 

 

 Central Park

Momento merecido de descanso

 

De noite, fomos à Times Square

 Loja da M&Ms na Times Square

 Na multidão

 

 

Public Library no Bryant Park

 É de lego!

 

Além dos pontos turísticos, Midtown tem vários lugares bons para comer.

 

Shake Shack

(muitoooo bom! Um dos melhores hambúrgueres de NYC, sem dúvida!)

 

Pret A Manger

(ótimo para um almoço rápido e leve)

 

Magnolia Bakery

(famosos cupcakes do filme Sex and the City - bons, mas nada maravilhoso)

Bubba Gump Shrimp Co.

(restaurante inspirado no fantástico filme Forrest Gump - muito legal, adorei o ambiente divertido e a comida!)

 

Chipotle 

(Fomos várias vezes - muito bom para um almoço rápido e barato)


Beijos, 

Corinne

 

Ímãs dessa Viagem:

 

Please reload

Autora | Corinne Sciortino

Formada em Direito e com vocação para viajar pelo mundo ! Minha obsessão é provar as mais diversas gastronomias, me perder pelos destinos e sempre sonhar com as próximas viagens.

Espero que goste de acompanhar as minhas andanças por aí.

 Continue lendo... 

Please reload